sábado, 6 de junho de 2009


Olha o holofote no olho,
Sorte, você não passa de um repolho

4 comentários:

Anónimo disse...

Olha o holofote na barriga,
Sorte, você não passa de uma lombriga

Não pude evitar, vou parar por aqui.

L.A

Geverson disse...

great, coletânea de poemas infantis-educativos por Sabrina Lopes, que tal?

Sabrina disse...

L.A?

Sabrina disse...

Gev, me empolguei com isso porque, ouvindo, eu nunca sabia pra quem estavam falando. É do Clara Crocodilo, e estão falando pra plateia - com holofote no olho uia de verdade. Mas fico feliz que alguém tenha percebido o potencial educativo, hahaha, dos meus poemas infantis. Sinal de que ainda há justiça de julgamento no mundo. =~